RELEMBRANDO CHICO

Nascido em um lar humilde, a 2 de Abril de 1910, na cidade de Pedro Leopoldo-MG, foram seus pais João Cândido Xavier e Dona Maria João de Deus; ele, cambista (vendedor de bilhete de loteria) e ela de afazeres domésticos.
Chico Xavier é um homem alegre, feliz, ao ponto de já ter afirmado que "minha vida é uma festa". Nas reuniões a que participa, sempre se ouve algo de Chico que, além de alegrar o ambiente, instrui e ilumina.
Conta ele que, um certo dia, uma confreira lhe diz que através da regressão de memória - um modismo na atualidade -, havia descoberto que nos primórdios do Cristianismo, ela fora uma mártir, morrendo no Coliseu Romano, sob as garras de um leão.
Ante o silêncio atencioso do querido medianeiro, aquela irmã pergunta:
- E você, Chico, sabe quem você foi em existências passadas?
- Eu? Olha irmã, eu acho que fui a pulga daquele leão.
Aí está uma resposta bem humorada de Chico e uma lição àqueles que têm ouvidos de ouvir, como disse o sublime Mestre Jesus.