O CABOCLO DAQUI...

Observação:
Este Blog/ Força das Matas pertence à Ronita Eliane.
Todos os demais sites mencionados,são indicações deste blog/aos seguidores e visitantes.





JESUS,O GOVERNADOR DO MUNDO!!!

JESUS,O GOVERNADOR DO MUNDO!!!

Marcadores

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

PARABÉNS PRA JESUS!!(PADRE MARCELO E CHITÃO E XORORÓ)


Tudo que nós já vivemos.
Tudo que vamos viver.
Ele é quem sabe o motivo.
Ele é quem pode dizer.
Ele é quem sabe a verdade.
Ele é quem mostra o caminho.

E quem procura por Ele, não vive sozinho.
Ele é o pão e o vinho.
Ele é o princípio e o fim.
Ele é o Rei e o cordeiro.
Ele é o não e o sim.

Ele só quer alegria, risos e felicidade.
E paz na terra aos homens de boa vontade.

Vamos cantar parabéns pra Jesus,
comemorar parabéns pra Jesus.
Nos abraçar nessa noite feliz.
Em que o amor ascendeu sua luz.

Vamos cantar parabéns pra Jesus,
comemorar parabéns pra Jesus.
Nos abraçar nessa noite feliz.
A estrela guia do céu nos conduz.
Parabéns pra Jesus.

Ele é o melhor amigo.
Ele é o pai e o filho.
Ele é maior do que a morte.
É o destino e o trilho.
Ele é carinho mais doce.
Ele é a flor e a semente.

Ele é quem sabe o que existe aqui dentro da gente.
Ele é a água mais pura.
Ele é o sol e o luar.
Ele venceu o deserto e andou nas águas do mar.

Ele é o mestre dos sábios.
Ele é o Rei e o Senhor.
Ele por mim deu a vida, em nome do amor.

Vamos cantar parabéns pra Jesus,
comemorar parabéns pra Jesus.
Nos abraçar nessa noite feliz.
Em que o amor ascendeu sua luz.

Vamos cantar parabéns pra Jesus,
comemorar parabéns pra Jesus.
Nos abraçar nessa noite feliz.
A estrela guia do céu nos conduz.

Parabéns pra Jesus.
Parabéns pra Jesus (4x).

FELIZ NATAL!


UM ABENÇOADO NATAL À TODOS IRMÃOS E IRMÃS,AMIGOS E AMIGAS! DO BLOG FORÇA DAS MATAS!

QUE SEJA NATAL,EM NOSSOS CORAÇÕES,TODOS OS DIAS,NESTE ANO QUE SE FINDA,E DO PRÓXIMO ANO,QUE VEM CHEGANDO!!


QUE POSSAMOS ESTAR MAIS JUNTOS,NESTE 2011!E QUE SEJA ELE,(2011),O ANO QUE NOS TRARÁ AS MAIORES REALIZAÇÕES,EM TODOS SENTIDOS,TEMPORAIS E ESPIRITUAIS!E SEJAM TODAS,POR MERECIMENTO NOSSO!SALVE O ANIVERSARIANTE,NOSSO MESTRE JESUS!SALVE AS ESPERANÇAS DO AMOR FRATERNO,PARA TODA NOSSA HUMANIDADE!


com carinhos,


MEU SARAVÁ!


VOSSA IRMÃ,E AMIGA,


RONITA ELIANE
 

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

TER GARRA


Ter Garra"
Não havia nada que eu pudesse fazer, mas fiz;
Alcançar tal coisa era impossível, eu a busquei.
Não havia mais esperança, eu a mantive...
Não restava tempo para mais nada,
mas eu lutei até a ultima hora;
Não queriam, mas eu insisti.
A ultima palavra havia sido dada, mas eu ainda falei...
Enfim, estou passando pela vida e tudo vai acontecendo,
Portas se fechando, e eu as abrindo...
E a felicidade esta em mim.
Pois, se nada tenho, por tudo lutei;
E, sem me arrepender de nada...
No futuro poderei dizer: Tentei!..
E, mesmo que a fortuna venha a mim,
Por tudo que Deus me deu,
direi a todos: " V E N C I !..."
 (desconheço o autor)...

sábado, 18 de dezembro de 2010

HOMEM BOM (MUSICA ROBERTO CARLOS)



minha homenagem à todos filhos de Oxalá... em especial,de minha parte,aos que por privilégio,conheci,em meus caminhos...PAI JURUÁ,dirigente do Templo Estrela Azul,(SCS/SP)e Ronaldo Adonai,(RJANEIRO)...(cabem-lhes a canção...''Homem Bom...'') COM CARINHOS,gratidão,por todos anos de ensinamentos dos evangelhos,e de Nossa Umbanda Amada...caminhos santos de Pai Oxalá....e por todos anos de presença viva...dos evangelhos...em minha vida!! meu saravá!Que Pai Oxalá continue abençoando-os...hoje,e sempre! Ronita Eliane

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

garth brooks standing outside the fire official




Ficando do lade de fora do fogo
Nós os chamamos de calmos
aqueles corações que não tem cicatrizes pra mostrar
aqueles que nunca deixam ir embora
e arriscam as viradas de mesa

Nós os chamamos de tolos
os que tem que dançar por entre a chama
os que arriscam a tristeza e a vergonha
que sempre vem ao se queimar

Mas você tem que ser forte quando consumido pelo desejo
Porque não é suficiente apenas ficar do lado de fora do fogo

Nós os chamamos de fortes
aqueles que podem encarar esse mundo a sós
que parecem se virar sozinhos
aqueles que nunca aceitaram a queda

Nós os chamamos de fracos
os que são incapazes de resistir
à mais exígua chance de que pode existir amor
e por causa disso abandonam tudo

Eles são tão determinados em oferecer,
andando sobre um fio
convencidos de que não é viver
se você ficar do lado de fora do fogo

Ficando do lado de fora do fogo
Ficando do lado de fora do fogo
A vida não é experimentada, é meramente sobrevivida
se você está ficando do lado de fora do fogo

Existe esse amor que está queimando
fundo na minha alma
constantemente anseando
por sair de controle
Querendo voar alto e mais alto
Eu não posso me conformar
em ficar do lado de fora do fogo

Ficando do lado de fora do fogo
Ficando do lado de fora do fogo
a vida não é experimentada, é meramente sobrevivida
se você está ficando do lado de fora do fogo

O RESTO DE NOSSAS VIDAS

Para o resto das nossas vidas ...

Existem coisas pequenas e grandes, coisas que levaremos para o resto de nossas vidas. Talvez sejam poucas, quem sabe sejam muitas, depende de cada um, depende da vida que cada um de nós levou. Levaremos lembranças, coisas que sempre serão inesquecíveis para nós, coisas que nos marcarão, que mexerão com a nossa existência em algum instante.
Provavelmente iremos pela a vida a fora colecionando essas coisas, colocando em ordem de grandeza cada detalhe que nos foi importante, cada momento que interferiu nos nossos dias, que deixou marcas, cada instante que foi cravado no nosso peito como uma tatuagem. Marcas, isso... serão marcas, umas mais profundas, outras superficiais porém com algum significado também.
Serão detalhes que guardaremos dentro de nós e que se contarmos para terceiros talvez não tenha a menor importância pois só nós saberemos o quanto foi incrível vivê-los. Poderá ser uma música, quem sabe um livro, talvez uma poesia, uma carta, um e-mail, uma viagem, uma frase que alguém tenha nos dito num momento certo. Poderá ser um raiar de sol, um buquê de flores que se recebeu, um cartão de natal, uma palavra amiga num momento preciso. Talvez venha a ser um sentimento que foi abandonado, uma decepção, a perda de alguém querido, um certo encontro casual, um desencontro proposital. Quem sabe uma amizade incomparável, um sonho que foi alcançado após muita luta, um que deixou de exisitir por puro fracasso. Pode ser simplesmente um instante, um olhar, um sorriso, um perfume, um beijo.
Para o resto de nossas vidas levaremos pessoas guardadas dentro de nós. Umas porque nos dedicaram um carinho enorme, outras porque foram o objeto do nosso amor, ainda outras por terem nos magoado profundamente, quem sabe haverão algumas que deixarão marcas profundas por terem sido tão rápidas em nossas vidas e terem conseguido ainda assim plantar dentro de nós tanta coisa boa. Lá na frente é que poderemos realmente saber a qualidade de vida que tivemos, a quantidade de marcas que conseguimos carregar conosco e a riqueza que cada uma delas guardou dentro de si.
Bem lá na frente é que poderemos avaliar do que exatamente foi feita a nossa vida, se de amor ou de rancor, se de alegrias ou tristezas, se de vitórias ou derrotas, se de ilusões ou realidades. Pense sempre que hoje é só o começo de tudo, que se houver algo errado ainda está em tempo de ser mudado e que o resto de nossas vidas de certa forma ainda está em nossas mãos. 

desconheço o autor
retirado do site
http://www.mensagensvirtuais.xpg.com.br/mensagem-Para-o-resto-das-nossas-vidas/

EU QUERO É SER FELIZ



Eu vou cantar até não poder mais


Eu vou dançar até cair pra trás

E já que vale tudo nesse jogo

Eu quero ver o circo pegar fogo

Eu tô fazendo e andando

Para o que o mundo diz

Eu quero é ser feliz

Bola pra frente eu tô correndo atrás

Loucura é muito pouco, eu quero mais

Se me alugar com papo de ciúmes

Eu viro o disco e aumento o volume

Eu tô fazendo e andando

Para o que o mundo diz

Eu quero é ser feliz

Não dá mais pra segurar

Agora eu só consigo ser assim

Eu acredito em Deus

E sei que ele também acredita em mim

Eu já tô roca de tanto falar

Comendo pouco, dormir nem pensar

Se falam mal de mim eu acho graça

Cachorro late, a caravana passa

Eu é que sei

Aonde é que eu meto o meu nariz

Eu quero é ser feliz

Não dá mais pra segurar

Agora eu só consigo ser assim

Eu acredito em Deus

E sei que ele também acredita em mim (x2)

Eu já tô roca de tanto falar

Comendo pouco, dormir nem pensar

Se falam mal de mim eu acho graça

Cachorro late, a caravana passa

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

PONTO CANTADO DE ERÊ (CRIANÇA)...recebido pela médium LIKA do Templo Cacique Sete Flechas

CHUVINHA...
Olha aqui, cheguei , sou o chuvinha chuveiro do mar!
Meu ponto é seguro meu pai oxalá!
Se eu pedir você me dá... se eu pedir você me dá
Um brinquedinho papai, pra eu brincar.
Vou pedir pra vovó um lindo balancinho no fundo do mar.
Papai oxalá que as abençoe!
Sempre resta uma esperança quando chega uma criança.

(CHUVINHA)
Cedido gentilemente pela irmã e amiga LIKA,do Templo Cacique Sete Flechas

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Cigana Sarah do Oriente



Cigana Sarah do Oriente

A Cigana Sarah, que faz questão de ser chamada de Sarah a Cigana. Justamente, o orgulho dessa guerreira que já foi desencarnada e luta muito contra espíritos malignos, faz com que ela seja um espírito muito bem quisto no Plano Astral.
Ela tem muito de "Joana D´Arc" porque, contam os espíritos que durante sua estada na Terra, ela foi entusiasta combatente heróica em comunidades ciganas espanholas e francesas contra o preconceito, contra o maltrato das mulheres e contra a falta de estudo e desenvolvimento para melhorar a vida das ciganas já no século XVII. Desencarnada, passou a orientar no Plano Astral a ajuda a mulheres ciganas maltratadas e tolhidas em seus direitos, o que a transformou em assessora direta de Santa Sara, a líder.
Mas ela faz questão de dizer em suas aparições que ela se chama Sarah, a cigana, pra não se confundir com a Mãezinha.
Sarah veste amarelo e vermelho e inspira mulheres que tem vontade de evoluir.

Se eu pudesse... (GANDHI)

 
Se eu pudesse...

Se eu pudesse deixar algum presente a você,
deixaria aceso o sentimento de amar
a vida dos seres humanos.
A consciência de aprender tudo
o que foi ensinado pelo tempo a fora.
Lembraria os erros que foram cometidos
para que não mais se repetissem.
A capacidade de escolher novos rumos.
Deixaria para você, se pudesse,
o respeito àquilo que é indispensável:
Além do pão, o trabalho.
Além do trabalho, a ação.
E, quando tudo mais faltasse,
um segredo:
O de buscar no interior de si mesmo
a resposta e a força para
encontrar a saída." 
(Mahatma Gandhi)

domingo, 12 de dezembro de 2010

SE TIVERES AMOR


SE TIVERES AMOR


Reunião pública de 5-1-59. Questão 887 (Livro dos Espíritos)



Se tiveres amor, caminharás no mundo como alguém que transformou o próprio
coração em chama divina a dissipar as trevas...


Encontrarás nos caluniadores almas invigilantes que a peçonha do mal
entenebreceu, instilando-lhes o hábito da peste, e relevarás toda ofensa com
que te martirizem as horas...


Surpreenderás nas maldizentes criaturas desprevenidas que o veneno da
crueldade enlouqueceu, e desculparás toda injúria com que te deprimam as
esperanças...


Observarás no onzenário a vítima da ambição desregrada, acariciando a
ignomínia da usura em que atormenta a si próprio, e no viciado o irmão que
caiu voluntariamente na poça de fel em que arruína a si mesmo...


Reconhecerás a ignorância em toda manifestação contrária à justiça e
descobrirás a miséria por fruto dessa mesma ignorância em toda parte onde o
sofrimento plasme o cárcere da delinqüência, o deserto do desespero, o
inferno da revolta ou o pântano da preguiça...


Se tiveres amor saberás, assim, cultivar o bem, cada instante, para vencer o
mal cada hora...


E perceberás, então, como o Cristo, fustigado na cruz, que os teus mais
acirrados perseguidores são apenas crianças de curto entendimento e de
sensibilidade enfermiça, que é preciso compreender e ajudar, perdoar e
servir sempre para que a glória do amor puro, ainda mesmo nos suplícios da
morte, nos erga o espírito imperecível à benção da vida eterna.




pelo Espírito Emmanuel - Do livro: Religião dos Espíritos, Médium: Francisco
Cândido Xavier

sábado, 11 de dezembro de 2010

A PORTA DO MUNDO/ESTRADA BOIADEIRA

BOIADA (Canta Daniel)...E GADO ESPALHADO É TRABALHO DOBRADO...!

 

Tem boiada aqui, tem boiada ali
Tem boiada por todo esse sertão
Tem tropa arriada nesse estradão
Dá pra ver de longe pelo poeirão

Toque de berrante tem madrinheiro
Tem mula de trote, potro ligeiro
Peão desgarrado sem paradeiro
Esta é a vida de um boiadeiro

Ei corre e cerca, atalha...É boi
Que se não espalha...É boi
E gado espalhado é trabalho dobrado

Ei corre e cerca, atalha...É boi
Que se não espalha...É boi
E gado espalhado é trabalho dobrado
E boi, e boi, e boi.

Para o gado aqui, desarreia a tropa
Acende a fogueira, vê sê não enrola
Que mágoa de boiadeiro só consola
Com pinga da boa e moda de viola

Deixa a noite linda, toda estrelada
Cobrir com seu manto toda essa boiada
E amanhã bem cedo acorda a peonada
Quero a nuvem branca de gado na estrada

Ei corre e cerca atalha...É boi
Que se não espalha...É boi
E gado espalhado é trabalho dobrado

Ei corre e cerca, atalha...É boi
Que se não espalha...É boi
E gado espalhado é trabalho dobrado
E boi, e boi, e boi

VIDA ESTRADEIRA (canta Daniel) PAI BOIADEIRO GOSTA DESTA CANÇÃO!!





Na vida com pé na estrada
Pelo mundo afora eu andei
E fui deixando um pedaço de mim
Em cada chão que pisei
Seguindo no meu caminho
Por toda essa imensidão
Na terra eu traço meu próprio destino
Sem peia e sem patrão

( 2x )
Vai companheiro o dia já amanheceu
Vai sem receio que esse mundo inteiro é só seu

Na vida pelas estradas
Nem pobre nem rico fiquei
Antigas paixões e bons camaradas
No fundo do peito guardei
E quando eu deixar este mundo
Vou leve sem ilusão
Só levo comigo o olhar da morena
Que roubou meu coração

( 2x )
Vai companheiro o dia já amanheceu
Vai sem receio que esse mundo inteiro é só seu

DISPARADA (CANTA DANIEL)

Prepare o seu coração
Prás coisas
Que eu vou contar
Eu venho lá do sertão
Eu venho lá do sertão
Eu venho lá do sertão
E posso não lhe agradar...
Aprendi a dizer não
Ver a morte sem chorar
E a morte, o destino, tudo
A morte e o destino, tudo
Estava fora do lugar
Eu vivo prá consertar...
Na boiada já fui boi
Mas um dia me montei
Não por um motivo meu
Ou de quem comigo houvesse
Que qualquer querer tivesse
Porém por necessidade
Do dono de uma boiada
Cujo vaqueiro morreu...
Boiadeiro muito tempo
Laço firme e braço forte
Muito gado, muita gente
Pela vida segurei
Seguia como num sonho
E boiadeiro era um rei...
Mas o mundo foi rodando
Nas patas do meu cavalo
E nos sonhos
Que fui sonhando
As visões se clareando
As visões se clareando
Até que um dia acordei...
Então não pude seguir
Valente em lugar tenente
E dono de gado e gente
Porque gado a gente marca
Tange, ferra, engorda e mata
Mas com gente é diferente...
Se você não concordar
Não posso me desculpar
Não canto prá enganar
Vou pegar minha viola
Vou deixar você de lado
Vou cantar noutro lugar
Na boiada já fui boi
Boiadeiro já fui rei
Não por mim nem por ninguém
Que junto comigo houvesse
Que quisesse ou que pudesse
Por qualquer coisa de seu
Por qualquer coisa de seu
Querer ir mais longe
Do que eu...
Mas o mundo foi rodando
Nas patas do meu cavalo
E já que um dia montei
Agora sou cavaleiro
Laço firme e braço forte
Num reino que não tem rei

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

SOLTEMOS TODOS OS PÁSSAROS!!(DIA INTERNACIONAL DOS DIREITOS DOS ANIMAIS)10 DE DEZEMBRO(Por Ronita Eliane)


'soltemos todos os pássaros presos!!é isto mesmo!alguém justificará..''mas eles morrerão soltos,não sabem viver livres,nasceram em cativeiros...''..então respondo...''pois que,se morrerem,morrerão felizes...!!sentindo o seu natural direito,de serem livres...e de...VOAR!!''.Eu,de minha parte,soltarei todos...que encontrar presos em meus caminhos..às pessoas que aprisionam pássaros...para comercializar...para ficar admirando seus cantos,em particular,digo-lhes,cantam de tristeza..por estarem presos..uma sugestão...porque não tentam aprisionar,a beleza das ondas do mar??terão um dinheirão por elas..!!porque não vendem,comercializam,o que de mais importante possa existir em suas vidas?(eis que,é o que fazem com os pássaros,voces,aprisionam sua mais pura essência!) e acham isto lindo!!!É CRUEL!!
Já vou avisando,vou soltar todos (fazia isto quando criança,depois não o fiz mais,porque os adultos ficavam muito irados..).Hoje dei-me,voltarei a ser criança...vou soltar todos...solto todos,e aviso antes...Duvido que morrerão!
Aprendamos com as crianças...
IRMÃOS,IRMÃS,
sejamos como crianças..
crianças não aprisionam pássaros...crianças brincam com joaninhas..(eu brincava..ehehe)sem sequer feri-las...crianças choram e lamentam,a morte...da abelhinha..
e sorriem junto com as formiguinhas,...
Voces se lembram disto?
Como pudemos esquecer:?
Sei que existem muitos outros animais presos,injustamente,mas tenho andado indignada
pela prisão de pássaros em particular...
Soltemos,a todos...
E antes,peçamos perdão á eles...pela crueldade humana...''
SARAVÁ,A TODOS!
RONITA
 

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

NÃO FUJAS/(Pelo médium e irmão/ Ronaldo Adonai).


NÃO FUJAS


Sofres no lar os desafios da vida... desafios que se
levantam em forma de provas, testando-te a capacidade de vencer na trilha do bem que apregoas, e por vezes,inclina-te  ao convite da deserção, alegando a incapacidade de continuar.

     Amigo:quem de nós, no Educandário da Terra, estará isento da    necessidade de testes, uma vez que a escola nos fornece as aulas para a evolução que procuramos?

    Quem não sentirá a dor perante um filho uma vez
sinta a responsabilidade que carrega, após ter aceitado a incumbência de ser pai?

    Qual não será a dificuldade da vida em Comum, dos cônjuges que não sentem afinidade espiritual, mas que já sentem a responsabilidade da bênção da família no lar?...

    E que não diremos dos quadros dolorosos da perda
dos entes queridos que mais amamos?

    Todos somos alunos desta Universidade, em que o
Senhor nos concede a oportunidade sublime, de cooperar no auxílio direto dos que nos procuram pelas vias do coração, a fim de que possamos conquistar as virtudes da abnegação da tolerância e do perdão.

    Se não fossem as lições da vida, treinadas em conjunto, com alunos diferentes, embora com as mesmas possibilidades de melhora para todos, que seria de nós?

    Donde encontrar o lugar que nos possa oferecer paz, se abandonamos a tarefa que nos cabe realizar em favor de nosso próprio bem? .

    Se a escola é o lugar das lutas que devemos enfrentar,as lições que ela nos oferece, são a oportunidade das conquistas necessárias para a evolução do amor imperecível em nossa alma. Os tropeços e as dificuldades, nada mais são do que avisos, alertando-nos na vigilância que devemos ter, para que não percamos a possibilidade da vitória que procuramos.

    Perseveremos portanto, na justa aplicação dos talentos que a vida nos empresta, seja donde for, como for e com quem for, com o fim único de abolirmos todo mal, sem desertar dos compromissos assumidos com os seres que nos compartilham a experiência, e, na retidão da consciencia tranqüila pelo dever retamente cumprido, não haverá dor que nos atinja, nem lágrimas que nos magoem o coração.
(UM IRMAO DE LUZ)

 PAZ,AMOR E CARIDADE

Abraços fraternos!

ad


quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

SERGIO STUM/MARAVILHOSO TEXTO!DO SITE SOMOS TODOS UM/

ESPECIAL STUM: Olhar para cima... e para os ladosSou um ser privilegiado, com certeza. Ainda que conviva com óbvias limitações, finalmente vivo feliz, pois respiro o autoconhecimento, estou imerso na busca da verdade e trilho o caminho da espiritualidade 24 horas por dia, 7 dias por semana. E isso não tem preço.
E a cada dia, estando sempre de mente serena e coração aberto, novas informações e experiências passam a fazer parte de minha bagagem, reforçando ainda mais minha fé, perseverança e determinação de seguir adiante.
Não mais preciso viajar para encontrar fora, por vezes longe, aquilo que desde sempre carrego em meu interior, que habita permanentemente em mim, que está sempre atualizado e à disposição e que acesso quando é preciso, bastando somente silenciar minha mente. Sim, ainda luto muito para conseguir manter este estado de harmonia, para não perder a conexão com a Fonte, com o Todo, pois os ruídos do meio são fortes e onipresentes.

Sei que é fácil sucumbir aos infinitos apelos do mundo material que nos cerca, implacável, sem respeito, sem ética, sem amor... o mundo efêmero das ilusões não poupa os fracos de espírito, os indiferentes, que ignoram as leis da vida e preferem fazer parte da manada em vez de assumir sua unicidade, seu poder inato, o rumo de sua própria vida, tornando-se candidatos a doenças da alma, do corpo e a uma vida chata, padronizada e sem sentido.
Já passou da hora de NÓS fazermos algo para mudar esta situação.
Respeito o livre-arbítrio de todo mundo, é claro, mas sei que precisamos chegar com sensibilidade também ao coração desses seres e lhes direcionar amor incondicional e vibração de bem-aventurança, permitindo assim, que a Luz penetre fundo em suas almas, todos eles sendo irmãos de caminhada.
V. e eu com certeza já sofremos tanto quanto eles ou mais, até que sincronicidades, circunstâncias preciosas da vida nos levaram, pelo amor ou pela dor, a sair do casulo e iniciar uma jornada de autodescoberta, de conscientização e de infinitas e sutis recompensas.

Sim, este é mais uma vez um apelo, um pedido aos leitores do Boletim para que cada um se torne, se já não está nesta condição, um missionário, um ponto de Luz pura a melhorar tudo à sua volta com sua presença firme, consciente, suave e divina. Cada um com sua maneira peculiar de ser, usando seus instrumentos únicos e sua intuição para transformas seu lar, seu ambiente de trabalho ou de lazer num templo esplêndido de beleza e paz, num lugar de imensa alegria.
Há pessoas que, ainda muito plugadas na racionalidade, na inflexibilidade, no fundamentalismo religioso, sabotarão nossas ações. Mas quem está com a Luz não teme a escuridão nem a sombra e as sementes plantadas germinarão no tempo certo. Confie em V. e na Fonte; a transformação virá e será para sempre. Sem volta.

Os tempos estão mais e mais propícios para a ação. O corrompido e manipulador sistema material que ainda nos governa, dá amplos sinais de debilidade, de incapacidade -ou de total falta de interesse-, em lidar com as questões básicas da humanidade e cada vez mais percebemos quanta podridão, ignorância e primariedade fazem parte essencial da personalidade de quem governa o mundo. Sim, somos regidos por seres sem ideais, sem caráter, de alma pequena e ego gigantesco. Pouco ou nada de bom para a humanidade ou o planeta Terra brotará desses indivíduos que acima de tudo colocam frios números, ficando a economia como principal indicador para avaliar um país, mesmo que este esteja destroçado na ética, educação, saúde, segurança pública, distribuição de renda ou outros aspectos determinantes.

No entanto, muito está sendo feito no mundo inteiro, ainda que não seja interesse da mídia divulgar. Deveremos brevemente chegar a uma massa crítica de formadores de opinião livres de condicionamentos e de consciência expandida, de forma a produzir e expandir o campo energético positivo e a vibração da Luz da Terra. Nosso poder é fabuloso... somos seres de Luz, carregando a Divindade em nosso peito. Podemos co-criar, moldar a realidade à nossa volta, transformar sombra em Luz, feiúra em beleza, tristeza em felicidade, depressão em serviço ao Todo.
Tudo é possível quando entramos em sintonia com a Fonte e quando a clareza de nosso pensamento, a persistência e o foco em nossas atitudes norteiam nosso dia-a-dia, nossa missão de vida.
Quantas e quantas existências já cruzamos em nossa andança cósmica, quantas valiosas experiências realizamos até o momento para nos encontrarmos tão abertos e conscientes?

Está mais do que na hora de juntar forças, de aumentar nosso raio de ação. No que me diz respeito, não irei desistir nunca de ser eu mesmo, fiel até o fim à minha essência e à missão que aceitei ao encarnar; no tempo de vida que me resta pretendo fazer o máximo, o melhor que posso para passar a mensagem adiante, auxiliar a "despertar" tantas pessoas quantas for possível e de todas as formas, a socorrer quem for preciso, a ser um instrumento da glória do Criador, do Universo.

Estamos próximos do Natal, tempo de lembrar de nosso Guia Maior, de honrar sua Presença, de nos espelhar em seus atos, seus predicados que são a Humildade, a Simplicidade, a Unidade e um Amor infinito -acima de tudo- para com todos. E veio agora a intuição de lembrar que não estamos entrando somente em uma boa época para distribuir presentes. É o tempo de usar a cada momento a mais bela forma de Amor: o Perdão, para com todos os nossos companheiros de viagem, sejam eles da família carnal ou da família espiritual.

Agradeço aqui os queridos e pacientes Guias e mais a turma toda que permite que o site exista: Rodolfo, Sandra, Teresa, Marcos, Anderson, Ian, Lidiane... e Você!
Sou profundamente grato ao Marcio da Kallipolis por sua presença nesse texto e em minha vida.
Seja Abençoado e Feliz!

Namastê
Sergio STUM
TESTO RETIRADO DO SITE
http://somostodosum.ig.com.br/blog/b.asp?id=10616

ENCONTRO COM MAMÃE OXUM/somos crianças nos braços de mamãe Oxum!DIA 08/12/MINHA HOMENANGEM!

.ela viajou 600 kilometros para chegar ate Ali...buscava as matas,e cachoeiras,precisava deste contato,fisico,e espiritual,como do proprio AR...talvez,por isto,estivesse ofegante...uma placa...LAGOA AZUL...combinou com o motorista do onibus,dali a 3 horas,ele retornaria,e a levaria de Volta...naquele mesmo ponto...entrou,apos a placa...so Mata,passaros,borboletas,..e o barulho das aguas,la embaixo,...e não mais,o silencio...e a solidão...Mata adentro...foi se encaminhando...descalça,so uma mochila nas costas...o coraçao palpitou mais e mais forte..,na descida,DA escadaria feita de pedras,suas pernas foram ficando bambas,e tremulas..sentou-se a beira daquela descida..tirou o seu terço do pescoço,e pensou...vou rezar meu Rosario aqui...mal pronunciou as primeiras palavras..Compulsivamente,começou a soluçar...e então gritava...''Mae do ceu..pai do ceu...Nossa senhora DA Conceiçao...mamae OXUM...Pai Oxumarê...peço licença...estou aqui... Para louvar-te!uma voz,masculina,sutil,lhe fala..''O MUNDO,É UM LUGAR PERIGOSO,PARA UMA MENINA ANDAR SOZINHA ASSIM,FILHA''...ela segura ate a respiração,para compreender quem lhe falara...levanta-se depresssa...as pernas quase nao conseguiam sustentar-lhe de pé..voltou a soluçar...e pela primeira vez,em muitos anos,talvez uns 36,sentiu medo..aquele medo infantil..olhou a sua Volta,estava em transe...e so então percebeu..que naquele momento,estava com 4,ou 5 anos..criança,de novo...e como uma criança,soluçava,e sentia medo,e queria descer mais rapido,mas as perninhas,tremiam..segurou-se na parede de pedra,a seu lado,e foi descendo,degrau por degrau.. Mais devagar..uma criança..completamente so,na Mata,rumo a cachoeira que cada vez mais perto,podia ouvir a sua cançao,de suas aguas,caindo,caindo..como uma criança,soluçando todas suas dores,e medos,descia,descia..a escadaria de pedra..Indo de encontro ao colo de sua Mae...pensava,em tudo que gostaria de contar a ela,e eram tantas coisas,tantas,que OS pensamentos em sua mente se confundiam,e não conseguia organiza-los...ultimo degrau,la embaixo..não pode Dar mais nem um passo,Ali mesmo,neste ultimo,sentou-se,deslumbrada...quando aquele veu de agua,caindo abundantemente,de uma altura aproximada de 30 metros,

Irradiou seus olhos,corpo,alma,coraçao...parou de chorar...o coraçao descompassado...saudou,de joelhos..cruzou o chão de pedra,e,como a criança de 4 ou 5 anos que Ali era ela,saltitou,sorridente,molhando OS pes,a roupa,naquelas aguas geladas,cristalinas,e era so o Rio Grande,a sua Volta,e a majestosa,cachoeira,a sua frente...que formava,a singular lagoa azul...
Queria falar,mas sua mente pareceu-lhe,...como a muitos anos não acontecia...pareceu-lhe...vazia de pensamentos...so ternura,so Paz,emoçao...e muito amor...Ali ela não iria falar nada...Ali ela so iria ouvir...por mais de uma hora e meia,permanecera Ali,assim...lembrou-se DA frase ouvida,na descida DA escadaria de pedra...''O medo infantil voltou a afligir-lhe..o que acontecia,ela não sente medo nunca...sentia-se criança,vulneravel,...então,uma lancha destas bem estilosas,fazendo barulho estrondoso,aporta a certa distancia,vinda pelo Rio grande...quebrando,o transe,e ainda tonta,sente voltar-se aos seus 42 anos de idade..observa,serena,tres senhoras e um senhor,subindo em direçao a cachoeira...turistas..em plena segunda feira,a tarde?naquele lugar de Mata fechada...?cumprimenta OS recem chegados,emocionada...com OS olhos ainda vermelhos,explica...não é Linda,olhando em direçao a Grande majestosa queda dágua...''chega a emocionar agente...''as pessoas,concordam,sorrindo,..ela explica que esperaria o onibus,que passaria depois DA subida DA escadaria,dali a 40 minutos...e logo seguem em direçao a lancha,para se retirarem...uma das senhoras grita ja dentro do veiculo...''quer vir conosco?podemos deixa-la,do outro lado do Rio,o onibus passa por la tambem,e é um vilarejo,mais seguro para voce,que sozinha,na rodovia,proxima a mata...ela olha para a cachoeira,e pensa em responder,obrigada,ficarei um pouco mais,mas,...as aguas lhe dizem...'vá agora,filha,mandei uma lancha te buscar...''
Então,levantou-se depressa,gritando,esperem,vou com voces...e agradecendo,sobe na embarcaçao que logo sai Rio Grande afora,e ela olha a queda d´agua,ficando cada vez mais distante...e pensa,''eu vou,eu obedeço,mas voltarei...e seu coraçao agradece,agradece...''...a sua Volta,so agua,e mais agua,aguas doces do Rio grande...e o Sol,e vem recitando...''louvado seja Deus em toda natureza...''...vinte minutos de viagem,chega a outra margem,agradece aos turistas que lhe proporcionaram aquela viagem,...no vilarejo,a espera do onibus que logo viria,irradiada,de todos momentos unicos,singulares,que vivera horas atras...nem se importa com OS irmaos pernilongos...rssss...que insistem em picar-lhe as pernas...retorna,o caminho,de Volta,600 kilometros...
Fortalecida,serena,como criança depois do banho,e do alimento,no colo de sua Mae...''///SARAVA,MAMAE OXUM....SARAVA,PAI OXUMARE!!SARAVA PAI OXOSSI,OSSAIN,SARAVA A JUREMA...OBRIGADA PAI OXALA,pela bendita permissao de momentos tão sagrados....''
SARAVA,UMBANDA !''
Sarava,Pai JURUÁ!!////////////
RONITA

SALVE MÃE OXUM,SENHORA DO MAIS PURO AXÉ!DIA 08/12/comemora-se seu dia!Salve Nossa Senhora da Conceição!


''Mãe Oxum...Vibração de luz e bençãos,misericórdias...através da qual  o Amor de  Deus chega até nós....''Salve!Ora IêIÊ!Oxum!!''

domingo, 5 de dezembro de 2010

ISTO,É UMBANDA!!!!(Mensagem do Caboclo Yguaratan recebida espiritualmente pelo médium Vanderlei Alves (Tenda de Umbanda do Caboclo Estrela do Mar) em 01/12/2010, às 01h55)


Imagine um abraço fraterno em 360 graus: isso é Umbanda.
Imagine uma vela acesa com Fé gerando mais energia que uma usina nuclear: isso é Umbanda.
Imagine Divindades, Anjos, Santos, Sábios, Magos, Gênios, Sacerdotes, Xamãs, Babalaôs, Pajés, Iogues, Iniciados, Cientistas, Curadores,
Trabalhadores da Caridade de todas as épocas e culturas voltando à Terra para restaurar a Paz e a Lei Maior: isso é Umbanda.
Imagine a última peça que falta no milenar “quebra-cabeça” que compõe a sua Alma: isso é Umbanda.
Imagine traumas, neuroses, fobias, vírus e bactérias físicas e astrais sendo dissolvidos na baforada de um cachimbo: isso é Umbanda.
Imagine a Pemba traçando e reproduzindo os Códigos Sagrados da Criação: isso é Umbanda.
Imagine o padê de Exu promovendo a harmonia entre Luz e Trevas: isso é Umbanda.
Imagine o médium descalço vestido de branco iluminando-se por dentro: isso é Umbanda.
Imagine o consulente confortado e esclarecido subindo mais um degrau evolutivo: isso é Umbanda.
Imagine o Homem servindo a Natureza e a Natureza servindo o Homem: isso é Umbanda.
Imagine o sal das lágrimas misturando-se ao sal do Mar, Ventre de Yemanjá: isso é Umbanda.
Imagine a flecha certeira de Oxossi alinhando Razão, Emoção e Ação: isso é Umbanda.
Imagine a espada de Ogum abrindo caminho no cipoal das ilusões humanas: isso é Umbanda.
Imagine o machado de Xangô aparando as arestas do Karma Planetário: isso é Umbanda.
Imagine Oxalá retirando os espinhos de teu coração e Oxum cobrindo com mel teus ferimentos: isso é Umbanda.
Agora, deixe de imaginar...
Pois tudo isso não é sonho, é realidade vivida e sentida
A toda hora, todo dia, ao som de um belo ponto cantado
No abraço do Caboclo,
No toque do Preto Velho,
Na brincadeira da Criança,
No olhar do Exu Guardião,
No sorriso do Baiano,
No balanço do Marinheiro,
No encanto da Cigana,
Na ginga do Malandro,
No laço do Boiadeiro...
...meu Filho: ISSO É UMBANDA!
Mensagem do Caboclo Yguaratan recebida espiritualmente pelo médium Vanderlei Alves (Tenda de Umbanda do Caboclo Estrela do Mar) em 01/12/2010, às 01h55

ENCONTRO COM MAMÃE OXUM/A LAGOA AZUL/MINAS GERAIS/(VERÍDICO)(Por Ronita Eliane)


..
ela viajou 600 kilometros para chegar ate Ali...buscava as matas,e cachoeiras,precisava deste contato,fisico,e espiritual,como do proprio AR...talvez,por isto,estivesse ofegante...uma placa...LAGOA AZUL...combinou com o motorista do onibus,dali a 3 horas,ele retornaria,e a levaria de Volta...naquele mesmo ponto...entrou,apos a placa...so Mata,passaros,borboletas,..e o barulho das aguas,la embaixo,...e não mais,o silencio...e a solidão...Mata adentro...foi se encaminhando...descalça,so uma mochila nas costas...o coraçao palpitou mais e mais forte..,na descida,DA escadaria feita de pedras,suas pernas foram ficando bambas,e tremulas..sentou-se a beira daquela descida..tirou o seu terço do pescoço,e pensou...vou rezar meu Rosario aqui...mal pronunciou as primeiras palavras..Compulsivamente,começou a soluçar...e então gritava...''Mae do ceu..pai do ceu...Nossa senhora DA Conceiçao...mamae OXUM...Pai Oxumarê...peço licença...estou aqui... Para louvar-te!uma voz,masculina,sutil,lhe fala..''O MUNDO,É UM LUGAR PERIGOSO,PARA UMA MENINA ANDAR SOZINHA ASSIM,FILHA''...ela segura ate a respiração,para compreender quem lhe falara...levanta-se depresssa...as pernas quase nao conseguiam sustentar-lhe de pé..voltou a soluçar...e pela primeira vez,em muitos anos,talvez uns 36,sentiu medo..aquele medo infantil..olhou a sua Volta,estava em transe...e so então percebeu..que naquele momento,estava com 4,ou 5 anos..criança,de novo...e como uma criança,soluçava,e sentia medo,e queria descer mais rapido,mas as perninhas,tremiam..segurou-se na parede de pedra,a seu lado,e foi descendo,degrau por degrau.. Mais devagar..uma criança..completamente so,na Mata,rumo a cachoeira que cada vez mais perto,podia ouvir a sua cançao,de suas aguas,caindo,caindo..como uma criança,soluçando todas suas dores,e medos,descia,descia..a escadaria de pedra..Indo de encontro ao colo de sua Mae...pensava,em tudo que gostaria de contar a ela,e eram tantas coisas,tantas,que OS pensamentos em sua mente se confundiam,e não conseguia organiza-los...ultimo degrau,la embaixo..não pode Dar mais nem um passo,Ali mesmo,neste ultimo,sentou-se,deslumbrada...quando aquele veu de agua,caindo abundantemente,de uma altura aproximada de 30 metros,

Irradiou seus olhos,corpo,alma,coraçao...parou de chorar...o coraçao descompassado...saudou,de joelhos..cruzou o chão de pedra,e,como a criança de 4 ou 5 anos que Ali era ela,saltitou,sorridente,molhando OS pes,a roupa,naquelas aguas geladas,cristalinas,e era so o Rio Grande,a sua Volta,e a majestosa,cachoeira,a sua frente...que formava,a singular lagoa azul...
Queria falar,mas sua mente pareceu-lhe,...como a muitos anos não acontecia...pareceu-lhe...vazia de pensamentos...so ternura,so Paz,emoçao...e muito amor...Ali ela não iria falar nada...Ali ela so iria ouvir...por mais de uma hora e meia,permanecera Ali,assim...lembrou-se DA frase ouvida,na descida DA escadaria de pedra...''O medo infantil voltou a afligir-lhe..o que acontecia,ela não sente medo nunca...sentia-se criança,vulneravel,...então,uma lancha destas bem estilosas,fazendo barulho estrondoso,aporta a certa distancia,vinda pelo Rio grande...quebrando,o transe,e ainda tonta,sente voltar-se aos seus 42 anos de idade..observa,serena,tres senhoras e um senhor,subindo em direçao a cachoeira...turistas..em plena segunda feira,a tarde?naquele lugar de Mata fechada...?cumprimenta OS recem chegados,emocionada...com OS olhos ainda vermelhos,explica...não é Linda,olhando em direçao a Grande majestosa queda dágua...''chega a emocionar agente...''as pessoas,concordam,sorrindo,..ela explica que esperaria o onibus,que passaria depois DA subida DA escadaria,dali a 40 minutos...e logo seguem em direçao a lancha,para se retirarem...uma das senhoras grita ja dentro do veiculo...''quer vir conosco?podemos deixa-la,do outro lado do Rio,o onibus passa por la tambem,e é um vilarejo,mais seguro para voce,que sozinha,na rodovia,proxima a mata...ela olha para a cachoeira,e pensa em responder,obrigada,ficarei um pouco mais,mas,...as aguas lhe dizem...'vá agora,filha,mandei uma lancha te buscar...''
Então,levantou-se depressa,gritando,esperem,vou com voces...e agradecendo,sobe na embarcaçao que logo sai Rio Grande afora,e ela olha a queda d´agua,ficando cada vez mais distante...e pensa,''eu vou,eu obedeço,mas voltarei...e seu coraçao agradece,agradece...''...a sua Volta,so agua,e mais agua,aguas doces do Rio grande...e o Sol,e vem recitando...''louvado seja Deus em toda natureza...''...vinte minutos de viagem,chega a outra margem,agradece aos turistas que lhe proporcionaram aquela viagem,...no vilarejo,a espera do onibus que logo viria,irradiada,de todos momentos unicos,singulares,que vivera horas atras...nem se importa com OS irmaos pernilongos...rssss...que insistem em picar-lhe as pernas...retorna,o caminho,de Volta,600 kilometros...
Fortalecida,serena,como criança depois do banho,e do alimento,no colo de sua Mae...''///SARAVA,MAMAE OXUM....SARAVA,PAI OXUMARE!!SARAVA PAI OXOSSI,OSSAIN,SARAVA A JUREMA...OBRIGADA PAI OXALA,pela bendita permissao de momentos tão sagrados....''
SARAVA,UMBANDA!''
Sarava,Pai JURUÁ!!////////////
RONITA

NATUREZA


'O umbandista não precisa de uma catedral como só o gênio humano é capaz de construir. Ele só precisa de um pouco de natureza, como só Deus foi capaz de criar".(Pai Ronaldo Linares).


sábado, 4 de dezembro de 2010

ORAÇÃO À MÃE IANSÃ/04 DE DEZEMBRO (por Ronita Eliane)


Mãe Iansã!
em cada manhã,em que desperto...lembro-te...o olhar...
em cada brisa,seus acalantos...
e posso ouvir,seu canto...a uivar no ar!
mãe Iansã,durante o dia,cada pensamento,que me guias...
ensina repetida lição...a de superar...(superar a dor,da ingratidão,da doença,da solidão...
do egoísmo..das mentiras..da injustiça..da cobiça..da vingança...das perseguições...das privações..a dor da ira,dos preconceitos,das traições.
e de toda sorte de sortilégios humanos...)
repetidas lições de força,fortaleza minha,de compreensão,quando viestes a mim,silenciosamente,
dissestes sobre o amor, sem palavras,só me olhastes,(ah,mãe,teu olhar)!!fez com que isto me bastasse..esta encarnação inteira!
repetidas lições sobre confiança,quando voando em seus braços,a me rodopiar,
senti medo de cair...(sou tão pequenina,mãe!)e me pousaste como a ave pousa o filhote ao ninho,de volta à cama...(onde permaneci estática,por algum tempo,
com os braços ainda abertos,e o medo passou...o medo levastes!não me deixastes cair,não!como és forte,mãe querida!)
repetidas lições de coragem...quando em bramidos me tomastes...e,ao dar-me por mim,estava em batalha,enfrentando e vencendo,todo o mal,dos caminhos que
eu mesma,escolhi  para mim...bramidos que ainda me vêm a lembrança aos pensamentos...''tenho que vencer...não me rendo...!avante,agora mesmo!...ainda não terminou
a batalha..!hora de agir...!firmeza,erga a cabeça,olhe avante!teimosa,filha ...resignação...e fé!
  ''lições de coragem...em bramidos tomada,em todos,todos os recomeços...ah,mãe,recomeços infindos!''
Senhora minha,repetidas lições de proteção...nos momentos em que fui literalmente arrancada,de minhas maiores alegrias,surpreendida e presa em armadilhas do destino,ah,sim senhora,
vossa espada me valeu...e em cada prece minha,vossa proteção,me respondeu!
Mãe Iansã,peço-te,faça de mim,como a ti,uma guerreira de Oxalá,e que eu vença,meus destinos...e cumpra as minhas missões...
  E quando o véo da ilusão da vida material,terminar, que eu possa vê-la de novo,(como queria vê-la de novo!)que eu possa merecer,ao final de tudo,chamar-te...minha Mãe!''
Eparrey,bela Oyá!!

Abençõe,e proteja,todos nós!
Ronita Eliane

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

POR QUE UMBANDA?(Por Ronaldo Adonai)

Porque é simples, muito simples, e também profunda, muito profunda.
Sua grande profundidade permite, a aqueles que tem a capacidade de mergulhar no seu interior, extrair dela o conhecimento, a sabedoria, a humildade, o amor e a simplicidade das entidades de luz que nos ensinam o caminho por onde devemos transitar.
E para aqueles que não estamos capacitados ou estamos chegando agora, lobrigar esse caminho de luz que conduz à eterna Aumbhandan, a do conhecimento supremo.
Esta Umbanda pela que caminhamos juntos um grupo de camaradas unidos por um mesmo sentimento, o do aperfeiçoarmos e dessa maneira ser cada vez um pouquinho melhores.
Porque esta Umbanda é simples, profunda e está em constante movimento sem, por esse motivo, ser caótica.
Está aberta ao conhecimento e este, inevitavelmente, gera movimento. As coisas não são porque são, mas como as vemos, como as sentimos, produto de diálogos abertos, de estudos profundos, de revelações. Esse movimento não gera o caos, pelo contrário, uma força vital que harmoniza e dá coerência ao conhecimento.
Porque não tem dogmas nem está estruturada.
Existem só as hierarquias indispensáveis e elas são o produto do consenso. E o consenso gera-se no conhecimento e nas atitudes. Não existe pirâmide de poder, nem autoridades várias a quem obedecer cegamente. Nesta Umbanda está quem quer e sente que dessa maneira caminha em direção a um degrau mais elevado do seu andar espiritual.
Em lugar de dogmas mais ou menos duvidosos, leis simples, que conhecemos pela pratica da humildade, da caridade, do serviço; a outra face do orgulho, a vaidade e o egoísmo.
Em lugar de dogmas, os ensinamentos que as entidades fazem-nos chegar cada vez que baixam no terreiro, na fala pausada dos Pais Velhos, na alegria das Crianças e na força moral dos Caboclos; entidades de luz, grandes magos e sacerdotes cuja perfeição é o resultado do andar milenar pelo caminho da espiritualidade.
Porque não está cristalizada nem é amorfa.

Onde ninguém se adjudica à perfeição, nem tem falta de consideração para com os outros, porque todos estamos em caminho a Deus, cada qual no seu estágio, procurando evoluir, tratando de distinguir com claridade o bom do ruim, sem colocar nos outros nossos próprios problemas.

Porque não é proselitista, não está à caça de seguidores nem promete coisas.
Não busca adeptos nem seguidores, trabalha com humildade e em silencio. Sabendo que chegará a todos aqueles que estão em condições de escutar.
Não pensamos que seja o único caminho para buscar a Deus e também não partimos da certeza de que seja o melhor; embora, é onde melhor sentimo-nos.
Carregamos a nossa pequena parte da verdade e fazemos o possível por melhorar todos os dias, para avançar no caminho da espiritualidade.
Estão nesta Umbanda, nossa Umbanda, minha Umbanda, os que sentem a verdadeira necessidade de estar nela e quase sempre tem percorrido muitos caminhos e atalhos antes de chegar a Ela.
Por que Umbanda?
Porque aos que se aproximam dela não se os olha para saber qual é a sua cor.
Nem se lhes pergunta se são ricos ou são pobres, se são cultos o se são analfabetos.
Tampouco a que religião pertencem o se não tem nenhuma.
O único que interessa é saber se sofrem, porque o sofrimento não reconhece cor, religião nem estado social.
Porque Umbanda é fraternidade, é caridade...


Porque as entidades de luz que se apresentam baixam a roupagem de Crianças, Caboclos, Pais Velhos e Exus sendo tão elevados espiritualmente, falam-nos simples e em forma acessível para que todos possamos entender e nunca deixam de aclarar dúvidas nossas, nem de ajudar-nos em tudo o que necessitamos, procurando, de acordo a nossos merecimentos, fazer-nos alcançar nossos desejos ou necessidades.

E fazer-nos entender que nosso caminho povoado de sofrimentos só será completado quando através do amor, a caridade e a fraternidade despojemo-nos do orgulho, a vaidade e o egoísmo, que são a marca registrada do nosso mundo e que nos impedem alcançar um lugar mais próximo a Deus.
Por que Umbanda?
Boa pergunta.
Existem infinidades de respostas.
Mas cada um deve buscá-las no mais profundo do seu ser, através da razão e dos sentimentos.
Abraços fraternos!
Axé! Sarava!
Adonai.

EM PROCESSO DE LIBERTAÇÃO/(Por Ronaldo Adonai)

O cansaço toma conta de mim.
Corri sempre em busca de valores que agora descubro serem coisa nenhuma.
Afadiguei-me sem necessidade. Acumulei coisas frias, e constato que estão mortas. Chamei-as de tesouro e atribuí-lhes expressões que não merecem, pois não significam, sequer, o quanto lhes concedo.
Silenciosas, pesadas, não participam da vida, e, ao invés de sustentá-la, reunidas em montes, empobrecem outras criaturas.
Acreditei-me ser carne e osso, quando, em realidade, sou Espírito livre.
Emparedei-me no corpo e submeti-me aos seus caprichos sem sentido.
Encarcerei a consciência nos cubículos dos sentidos, transitando pelos espaços exíguos do ego atormentado.
Movimentei-me demasiadamente, sem sair do lugar. Girei em torno de nada.
Descubro, por fim, meu Mestre, a delícia da liberdade.
Liberto-me, suavemente, do organismo físico, superando a fome, a sede, a dor, a enfermidade e a morte.
Vivo, agora, para a Vida, sem aprisioná-la.
Respiro e me expando. Abro os braços e afago a Natureza, abraço a Humanidade.
A mente voa, livre das paredes do cérebro, e se não submete mais a limite algum.
Tudo é luz em mim, e em luz me uno a todas as vidas. Esta luz brilha em toda parte; nela me envolvo, com ela viajo, conquisto os espaços, os corações, as mentes e as pessoas.
Já não tenho pressa, nem ansiedade, nem medo.
Aquieto-me, e cresço além de mim, da prisão que não mais me retém.
Relaxo todo o corpo e o comando em silêncio, a fim de ouvir a música divina da Criação, impregnando-me da sua harmonia.
Amo, e o meu é o sentimento de doação, de felicidade, de serviço a todas as formas vivas, intentando torná-lo santo e puro como a luz, poderoso e rápido como a chama que molda os metais e queima os detritos em abandono. Assim, amo o corpo sem pertencer-lhe, para amar a Humanidade, sem me afligir.
Mergulho no oceano da sabedoria e desperto para a plenitude, a totalidade.
Deixo-me arrastar livremente, qual pássaro no ar ou pólen na brisa.
Esta liberdade é bênção do Teu amor que me chega, que me penetra e me felicita.
Rogo-Te, meu Mestre Oxalá, que o fogo da liberdade prossiga ardendo, porque já não vivo para mim, desde que Tu passaste a viver em mim através dos ensinamentos da Umbanda da Luz Velada, esta Umbanda que liberta e aponta o CAMINHO DA LIBERDADE PLENA.
Por isto, Teu “escravo” que sou, me liberto de tudo.
Namastê!
Adonai. 11/08/09
Como é por dentro outra pessoa
Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.

Nada sabemos da alma

Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição de qualquer semelhança
No fundo.
Fernando Pessoa

MÃE IANSÂ!!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

MINHA ORAÇÃO À MÃE IANSÃ (por Ronita Eliane)

Mãe Iansã!
em cada manhã,em que desperto...lembro-te...o olhar...
em cada brisa,seus acalantos...
e posso ouvir,seu canto...a uivar no ar!
mãe Iansã,durante o dia,cada pensamento,que me guias...
ensina repetida lição...a de superar...(superar a dor,da ingratidão,da doença,da solidão...
do egoísmo..das mentiras..da injustiça..da cobiça..da vingança...das perseguições...das privações..a dor da ira,dos preconceitos,das traições.
e de toda sorte de sortilégios humanos...)
repetidas lições de força,fortaleza minha,de compreensão,quando viestes a mim,silenciosamente,
dissestes sobre o amor, sem palavras,só me olhastes,(ah,mãe,teu olhar)!!fez com que isto me bastasse..esta encarnação inteira!
repetidas lições sobre confiança,quando voando em seus braços,a me rodopiar,
senti medo de cair...(sou tão pequenina,mãe!)e me pousaste como a ave pousa o filhote ao ninho,de volta à cama...(onde permaneci estática,por algum tempo,
com os braços ainda abertos,e o medo passou...o medo levastes!não me deixastes cair,não!como és forte,mãe querida!)
repetidas lições de coragem...quando em bramidos me tomastes...e,ao dar-me por mim,estava em batalha,enfrentando e vencendo,todo o mal,dos caminhos que
eu mesma,escolhi  para mim...bramidos que ainda me vêm a lembrança aos pensamentos...''tenho que vencer...não me rendo...!avante,agora mesmo!...ainda não terminou
a batalha..!hora de agir...!firmeza,erga a cabeça,olhe avante!teimosa,filha ...resignação...e fé!
  ''lições de coragem...em bramidos tomada,em todos,todos os recomeços...ah,mãe,recomeços infindos!''
Senhora minha,repetidas lições de proteção...nos momentos em que fui literalmente arrancada,de minhas maiores alegrias,surpreendida e presa em armadilhas do destino,ah,sim senhora,
vossa espada me valeu...e em cada prece minha,vossa proteção,me respondeu!
Mãe Iansã,peço-te,faça de mim,como a ti,uma guerreira de Oxalá,e que eu vença,meus destinos...e cumpra as minhas missões...
  E quando o véo da ilusão da vida material,terminar, que eu possa vê-la de novo,(como queria vê-la de novo!)que eu possa ter merecido,ao final de tudo,chamar-te...minha Mãe!''
Eparrey,bela Oyá!!

Abençõe,e proteja,todos nós!
Ronita Eliane

PONTOS CANTADOS /SAUDAÇÃO MÃE IANSÃ

OVENTO DE IANSÃ

SAUDAÇÃO A MÃE IANSÃ

VEM CHEGANDO IANSÃ!!

EPARREY,Ó BELA OYÁ!!

EPARREY,BELA OYÁ!!!MINHA MÃE!!!AJUDA SEUS FILHOS,MÃE IANSÃ!!'É COM FÉ,MÃE..'

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

domingo, 28 de novembro de 2010

Related Posts with Thumbnails