SARA!AMOR E FÉ!


''...quando a fúria do preconceito de mãos dadas ao fanatismo,estes filhos primogênitos da arrogância e soberba,feito lagartos e cobras que se rastejam,invadiram sorrateiros,sua vida,adentraram sua tenda,rasgaram suas vestes,e atearam fogo ao chão. 
Alguns foram abandonados ao mar,para morrer de fome e de sede...
Desafiando seus ancestrais,quebraram altares,taças,castiçais...e aos seus filhos,filhas,descendentes,as armadilhas,embustes,para fazer -lhes reféns e a inocência que sorria,chorou,a perguntar:''por que?'' ...
Ocorreu assim,quando com sua trouxa de roupas na cabeça,Ela chegou...e se aproximou ,...acudiu aos que choravam,ergueu os caídos,vestiu novas vestes aos que estavam desnudos,tomou as crianças pelos braços,e pelas mãos..
Olhar firme,trazia em seus lábios,uma benção e na alma uma canção.
Lagartos e cobras,rastejantes,fugiram...alguns foram capturados para bem longe...
O barco atracou seguro...em Terra firme...os que estavam a esmo no mar...
E os reféns foram libertados,e os que choravam sorriram,e os que foram apartados,novamente se abraçaram.
Aos que acreditaram,aos que ainda creem,ser possível,arrebatar assim,para si,a Estrela que reluz guiando o bom caminho...ficou e fica também uma lição...
Não existe maldição onde existe Amor...!
O Fogo do Amor deste Povo,queima e transmuta todo mal...então ateiam fogo,onde o fogo é grande amigo,onde o fogo,é também irmão!
As vestes que são singelas,e o colorido de seu trajar,provém de um arco-íris que só se pode conhecer,se mirar bem fundo...bem fundo do seu olhar...
Seus altares vibram em esferas de alta frequência,em âmbitos imateriais,e por isto,podem quebrar as taças e os castiçais...eles voltarão a brilhar!
Jamais poderão alcançar,aquilo que não compreendem,nem onde,como isto poderia ser?
Quem quiser verdadeiramente esta resposta,pode encontra-la em algum raio do amanhecer...ou nas sendas e lutas,que trava o vento nas chuvas,ainda que não se possa ver...
Pode estar na noite escura,na floresta,na estrada,no mar...nas torrentes de águas cristalinas,ou na melodia dos pássaros,a cantar...
Em sua alma que busca,as respostas e seus por quês...
No Amor que deu a outra face,no grito da dor Sagrada,e no silêncio de compaixão...
As lágrimas que vão regar flores e o ar que traz os perfumes dos incensos... dos amores..no entrelaçar amigo..de nossas mãos!
Para onde ela foi?
Seguiu singela e forte,para onde nem a vida nem a morte, pode impedi-la de voltar...
És Filha,ÉS Mãe,és irmã,és neta,és avó,és protetora......
és Livre porque amas sem os apegos deste mundo de ilusão!
E mistério algum pode haver!
Respeito a todas crenças,sem esperar nenhuma recompensa, generosa,seguiu serena a cantar...
Segue,cantando baixinho,canta e encanta,vai seguindo,nos caminhos proferindo,preces divinas ,no Ar!''
*******************ARRIBAAAA!********************************* (Ronita).**************************************************
em 24 de maio 2017